Home Offices: dicas práticas

No último artigo da nossa série sobre Home Offices, trazemos algumas ideias para você se inspirar e reproduzir no seu cantinho!

Trabalhar em casa é considerado uma grande economia de tempo e sinônimo de conforto para muitos, mas também, pode se tornar um desafio para outros. Isso porque, em um ambiente descontraído, familiar, a possibilidade de trabalhar com seus pijamas o dia todo é uma barreira à concentração de grande parte dos trabalhadores que gozam dessa autonomia. Portanto, nada de sentar no seu sofá com o laptop no colo: o home office pede um certo tom de seriedade – ainda que menor do que os requisitados no escritório tradicional.

Portanto, separamos algumas dicas que podem te ajudar na hora de organizar seu cantinho de trabalho:

  • Escolha um local para ser seu escritório

Para que seu dia seja produtivo, é necessário reservar um cantinho da sua casa que seja exclusivo às suas atividades profissionais. Não precisa ocupar muito espaço: use móveis como divisórias naturais. Um foco de luz com uma luminária descolada ou um tapete geram o mesmo efeito.

Se não for possível reservar um cômodo para ser o escritório, sem problemas! É possível designar um espaço específico – mas nada de trabalhar na cama. Foto: Pinterest.
Seja com um tapete, seja com o papel de parede, há maneiras simples e eficientes de delimitar o espaço do home office. Foto: Pinterest.
Foto: Pinterest.
Foto: Pinterest.
  • Organização é a chave

Concentrar suas atividades profissionais em um único ambiente ajudará na próxima tarefa: organização. Fundamental para que não se perca tempo procurando objetos, esquecer prazos, ou se distrair com bugigangas, organizar seu espaço de trabalho evita que materiais fiquem espalhados pela casa.

  • Tire proveito da autonomia: personalize!

A organização é crucial, e a vantagem de ter seu escritório em casa, é que você pode criar uma forma de organização que funcione para você. Se você não gosta de armários de aço tipo “arquivo morto”, se incomoda com o toque o telefone, ou não suporta ar condicionado, você não precisa ter nada disso na sua casa. Use sua criatividade para decorar o ambiente com objetos que sejam eficientes para você. Mas tenha em mente que os materiais do escritório são para te auxiliar a trabalhar – portanto, evite objetos que te distraiam de suas tarefas.

O toque de alegria e muita personalidade está nos detalhes em dourado, que acompnaham o estilo minimalista do cantinho.
Foto: Pinterest.
  • Ilumine – e dê preferência à luz natural

Os benefícios do Sol são muito valorizados pelos dinamarqueses: fornece vitamina D, estimula seu cérebro, aquece nos dias gelados e o mantém atento e disposto. Portanto, ao escolher o local para montar seu escritório, considere essa característica. Grandes janelas permitem que haja bastante incidência solar, arejamento – e, de quebra, talvez você possa dar uma pausa para relaxar e contemplar a vista.

Quando o sol se puser, no entanto, recorra a boas luminárias, que te proporcionem um bom momento de leitura. A dica é, ao invés de instalar luminárias em lâmpadas nas paredes, invista em uma luminária de mesa, ou de chão: além de poder mudar o layout do ambiente quando quiser, você também criará um clima intimista.

Luminária AQ01™, da Lightyears; cadeira Series 7™, de Arne Jacobsen para Fritz Hansen; mesa Little Friend, desenhada por Kasper Salto.
Foto: acervo Fritz Hansen

 

Lâmpada da Lightyears; mesa da GamFratesi.
Foto: acervo Fritz Hansen
  • Crie um espaço confortável e ergonômico

Muitas vezes, o trabalho exige que passemos horas em frente ao computador. Por isso, é importante ter ferramentas de trabalho confortáveis. A ergonomia é o estudo da relação do ser humano e os ambientes em que ele se encontra. No trabalho, esse estudo objetiva o bem-estar frente a males causados pela jornada de trabalho, como dores nos pés, na coluna e problemas visuais. Alguns pontos que devem ser levados em conta na hora de preparar seu home office: ajuste sua cadeira em uma altura que permita que seus pés sempre estejam apoiados firmemente no chão ou em um descanso para pés, posicione seu antebraço em posição paralela ao chão na hora de digitar e coloque o monitor de uma maneira em que seus olhos consigam ver toda a tela sem movimentos bruscos da cabeça.

Cadeira Oxford™ Premium, de Arne Jacobsen para Fritz Hansen; mesa Little Friend, de Kasper Salto; luminária Caravaggio™, de Cecilie Manz para Lightyears.
Foto: acervo Fritz Hansen.
  • Use a nuvem!

Como falamos, as ferramentas eletrônicas vieram para facilitar a nossa vida. Entre outros artifícios, o armazenamento em nuvem pode ser um grande aliado do seu home office: além de não ocupar o – cada vez mais escasso – espaço físico, pode te salvar caso você esqueça suas anotações para aquela reunião importante com o cliente, ou apresentação para um possível sócio.

  • Tenha plantas perto de você

Uma plantinha é a decoração perfeita para o seu home office, já que ela traz para a sua casa algo que está lá fora. Além disso, ela não chama atenção bastante para tirar a concentração. Outra vantagem das plantas é que é possível deixá-las mais de dois dias sem água. Em outras palavras, você não precisa nem chegar perto do seu home office aos fins de semana.

A plantinha dá o toque de cor, além trazer a temática natural ao ambiente.
Foto: Pinterest.
As plantas trazem aspectos naturais e cores vivas ao ambiente, compondo o espaço cosposto por madeiras de carvalho.
Foto: Pinterest.

 

Facebook0
Pinterest0

Tags